EPÍSTOLAS CRISTÃS

21 de março de 2017

O Reino de Deus vs. Outras Coisas

Filed under: Uncategorized — epistolas @ 3:20

https://ae01.alicdn.com/kf/HTB1b_LqIXXXXXbQXXXXq6xXFXXXC/Computer-Vinyl-Muurtattoo-Computer-Online-Sociale-Netwerk-Gamer-Internet-Tiener-PC-Mural-Muursticker-Kantoor-Kamer-Woondecoratie.jpg

 

1. Nas conhecidas palavras de nosso Senhor Jesus, quando disse que devemos buscar primeiro o Reino de Deus e que as outras coisas seriam acrescentadas, encontramos o seguinte princípio: o de que as coisas espirituais precisam ocupar o primeiro lugar em nossas vidas e as coisas materiais um lugar secundário.

2. Por mais que o Senhor tenha se referido a não ficarmos demasiadamente preocupados com o que comer, beber ou vestir, o princípio ali envolvido pode muito bem ser aplicado a todas as outras coisas da nossa vida material.

3. Nesse sentido, vemos que ele, antes de falar sobre comida, bebida e vestimenta, referiu-se à acumulação de tesouros terrestres em contraste com a obtenção de riquezas celestiais; referiu-se também à impossibilidade de se servir a dois amos ao mesmo tempo: a Deus e às riquezas.

4. Assim, em nossa jornada durante a era atual, teremos sempre diante de nós o grande desafio: o de valorizar e priorizar as coisas espirituais, sem esquecer de administrar todas as outras coisas.

5. Do ponto de vista de tempo a ser gasto, no caso de quem não é ministro de tempo integral, torna-se humanamente impossível as atividades espirituais ocuparem o primeiro lugar em comparação com o cumprimento de nossas obrigações seculares e materiais. Se, dentre nossos irmãos da primitiva igreja, alguns eram escravos, hoje, os escravos somos nós, pois o sistema atual demanda muito de nosso tempo e energia.

6. E, essa proporção fica mais complicada ainda, quando o cristão tem seu tempo ocupado por trabalho e estudo seculares. Mesmo quem apenas trabalha fora sempre terá atividades caseiras a cumprir; principalmente se tiver filhos em casa.

7. Então, surge a seguinte questão: como é possível um cristão, mesmo tendo outras ocupações que demandam tanto tempo, colocar suas atividades espirituais em primeiro lugar? A resposta óbvia seria: investindo o restante do tempo que fica livre em coisas espirituais!

8. Correta está a resposta acima! Porém, um detalhe importante precisa ser também destacado: estamos no Século XXI e na Era da Informação. Nunca, em toda a história da humanidade, tivemos acesso a tantas informações, todas referentes a um imenso número de assuntos.

9. E, quando falamos de informações, não nos referimos apenas às inúmeras notícias, mas a um incalculável número de imagens e vídeos, todos despejados diariamente na mente de todos. E, diante de tantas ofertas de informação, entretenimento e lazer, somos diariamente desafiados.

10. Assim sendo, no contexto do que estamos agora destacando, vemos que as “outras coisas” que devemos administrar na presente era são muito mais complexas e desafiadoras do que as “outras coisas” de todas as eras passadas. Se buscar as coisas do Reino em primeiro lugar já era algo desafiador antes, o que dizer de agora?

11. Hoje, uma pergunta pertinente pode ser a seguinte: como é possível, em pleno Século XXI, as coisas ou atividades espirituais ocuparem o lugar mais importante em nossas vidas? Outra pergunta seria: Como é possível, em plena Era da Informação, um cristão levar uma vida que priorize a oração, a Palavra e a Obra de Deus?

12. As respostas a tais perguntas são de caráter pessoal. Por isso, você pode se questionar da seguinte forma: o que faço no tempo que sobra, quando não estou trabalhando, estudando ou cumprindo alguma outra obrigação necessária? Nesse tempo remanescente, ocupo-me mais com as coisas espirituais ou com as distrações deste mundo?

13. Vemos, quando respondemos essa última pergunta, que a grande questão não é o fato de termos acesso às atuais distrações ou a qualquer outra forma de lazer, mas a importância que damos a elas em comparação ao que damos as coisas do Reino.

14. Assim, se a maior parte do tempo que temos disponível após o cumprimento de nossas obrigações seculares são gastas com coisas espirituais, e uma pequena parte restante é gasta com as lícitas distrações deste mundo, provamos por nossas ações que estamos colocando as coisas espirituais em primeiro lugar.

15. Mas, se damos uma pequena parte ou quase nada do nosso dia as coisas do Reino e a maior parte é dada às nossas obrigações materiais e as distrações desta era, pouca diferença terá nosso modo de viver, em comparação com os que não servem a Deus.

16. Amados irmãos, como bem disse nosso irmão João, o apóstolo, o mundo e as coisas do mundo estão passando, mas aquele que faz a vontade de Deus permanecerá para sempre. E a vontade de Deus e de seu Filho é que as coisas do Reino ocupem o primeiro lugar em nossas vidas, mentes e corações.

17. Se, como diz claramente o apóstolo Paulo, a ressurreição de Cristo é a nossa ressurreição, devemos buscar, em primeiro lugar, as coisas de cima, onde Cristo está assentado à direita de nosso Pai.

18. Amados, o período de tempo de nossa jornada nesta era é apenas um ponto imperceptível, localizado entre o passado e a eternidade, estando nele preso o mundo atual. Mas, quanto a nós, desse pequeno ponto fomos comprados para a vida eterna e imortal.

19. Por isso, não vivamos como presos, mas como livres – filhos da Jerusalém de cima, pois, além de livre, ela é a nossa mãe.

20. Portanto, priorizemos as coisas de cima, fazendo da oração o oxigênio da nossa vida espiritual, das palavras de Deus e de Cristo a nossa água e do fazer a obra e a vontade de Deus o nosso alimento. Na próxima oportunidade, sobre essas três coisas gostaria de escrever, se nosso Pai quiser ou permitir. Até a próxima!

Discípulo de Cristo.

Anúncios

Deixe um comentário »

Nenhum comentário ainda.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: